NOSSO CANAL - VÍDEOS RECOMENDADOS

Loading...

ASSISTA OS VÍDEOS


EU VOCÊ E JAMES, JUNTOS NO YOU TUB


Há um ano comecei a formatar um blog que, na verdade, nem eu sabia ao certo o que pretendia e nem como seria esse “filho”, já que existiam muitos blogs falando com propriedade sobre Parkinson. Resultado: coloquei em "stand by". Queria colocar as idéias no lugar e aguardar uma inspiração.

Por que o nome EU, VOCÊ E JAMES?

EU: podemos falar dos nossos sonhos, aspirações, de receitas, atualidades, alegrias e tristezas, e variedades diversas.
VOCÊ: é a principal razão da existência do blog. É quem vai ajudar na construção e divulgação do espaço que vai ser seu. O espaço é livre.
JAMES: Vixe... Esse aí não é fácil. Como já disse acima, existem muitos blogs que tratam do assunto com competência científica e isso é muito bom. A proposta é que seja uma abordagem bem suave, com humor, pois necessitamos muito de diversão e alegria. Não podemos nos envolver apenas com os aspectos fisiológicos do Parkinson. Vamos tratar do tema com leveza.

Com o Sr. James aprendi, além de outras coisas:
- Ter calma, já que os nervos são o principal fator de problemas para nós;
- Ter sempre um projeto de vida para se apaixonar: como dizia Chico Xavier, estar apaixonado por um projeto faz com que Deus nos dê mais tempo de vida;
- Me movimentar mais, lembrando do sábio Almir Sater na música Tocando em Frente: “Ando devagar porque já tive pressa...”.

E com minha amiga Dalva Molnar aprendi muitas coisas, inclusive que temos muito TA...LEN...TO.

Este blog está trocando de roupa- AGUARDE: EM BREVE NOSSO CLOSET ESTARÁ COMPLETO

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Leiam : Blog da Dor Crônica. Bem interessante, informativo e descontraído.

www.dorescronicas.com.br -­‐ Blog da Dor Crônica artur@dorescronicas.com.br

sábado, 18 de maio de 2013

Uma notícia boa.

Estive afastada por vários motivos, inclusive de saúde. As vezes precisamos de um "time"  para refletirmos sobre os nossos valores, saúde. Há meses estou com uma crise de coluna e tem se agravado. Sentar é difícil e mais difícil ainda é conviver com a dor. Mas viver é um desafio e eu não me rendo às adversidades. Estou melhorando. Precisava de um tempo, inclusive para crer que o Parkinson tem mesmo esperança de cura. Como sou positiva, acabo de ver na revista Veja  de 22/05 essa nota na coluna Panorama:
SOBRE CLONAGEM

 PELA PRIMEIRA VEZ, CIENTISTAS CLONARAM CÉLULAS-TRONCO HUMANAS, O QUE ABRE CAMINHO PARA A CURA DE DOENÇA DEGENERATIVAS COMO O PARKINSON.

Parece que, pela primeira vez, vemos uma notícia que é uma resposta concreta as nossas esperanças.
Vamos aguardar os desdobramentos.