NOSSO CANAL - VÍDEOS RECOMENDADOS

Loading...

ASSISTA OS VÍDEOS


EU VOCÊ E JAMES, JUNTOS NO YOU TUB


Há um ano comecei a formatar um blog que, na verdade, nem eu sabia ao certo o que pretendia e nem como seria esse “filho”, já que existiam muitos blogs falando com propriedade sobre Parkinson. Resultado: coloquei em "stand by". Queria colocar as idéias no lugar e aguardar uma inspiração.

Por que o nome EU, VOCÊ E JAMES?

EU: podemos falar dos nossos sonhos, aspirações, de receitas, atualidades, alegrias e tristezas, e variedades diversas.
VOCÊ: é a principal razão da existência do blog. É quem vai ajudar na construção e divulgação do espaço que vai ser seu. O espaço é livre.
JAMES: Vixe... Esse aí não é fácil. Como já disse acima, existem muitos blogs que tratam do assunto com competência científica e isso é muito bom. A proposta é que seja uma abordagem bem suave, com humor, pois necessitamos muito de diversão e alegria. Não podemos nos envolver apenas com os aspectos fisiológicos do Parkinson. Vamos tratar do tema com leveza.

Com o Sr. James aprendi, além de outras coisas:
- Ter calma, já que os nervos são o principal fator de problemas para nós;
- Ter sempre um projeto de vida para se apaixonar: como dizia Chico Xavier, estar apaixonado por um projeto faz com que Deus nos dê mais tempo de vida;
- Me movimentar mais, lembrando do sábio Almir Sater na música Tocando em Frente: “Ando devagar porque já tive pressa...”.

E com minha amiga Dalva Molnar aprendi muitas coisas, inclusive que temos muito TA...LEN...TO.

Este blog está trocando de roupa- AGUARDE: EM BREVE NOSSO CLOSET ESTARÁ COMPLETO

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Procurando algo no google Ronaud. Encontrei você por acaso. E por acaso gostei. Meu blog é euvoceejames. Achei interessante a maneira como falou do google. Atualmente digo que o google ë meu melhor amigo. Porque? Ele me responde  tudo, todas as minhas dúvidas e me tira de apertos e o melhor: Não me cobra nada. Ao passo que pessoas  nos cercam sempre tem algo para cobrar, um favorzinho etc..
Gostei das frases do Paulo Josë também. Eu e ele temos algo em comum: O Parque de  diversões. Não sabia que ele falava  assim. Eu e outra amiga parkinsoniana sempre falamos sobre esse parquinho. Com calma, irei explorar seu site e ler seus escritos.  Quando escrevo no blog, procuro dar uma injeção de coragem aos amigos. Ter  parkinson não ë o fim do mundo. Fim do Mundo é não ter nada. A vida fica monótona, Você não conhece pessoas , não tem muito para falar e histórias para contar. Atë a chatice do horário para tomar os remédios  torna-se engraçado. Você ao menos tem a quem xingar. Eu xingo o celular que me lembra os horários, xingo o remédio e não ofendo ninguém. Aprendi que a vida é linda e que para o  nosso mal ao menos temos remédios para vivermos bem. E tem outros males que nem essa escolha tem. Atirei no que vi e acertei no que não vi. Achei um site interessante de um rapaz inteligente. Ainda não  me aprofundei, mas dando uma olhada rápida, percebi o seu talento.

'Antes me torturava para escrever, hoje me divirto escrevendo. Digo que tenho um Parkinson de diversões.'
Paulo José '--Ator brasileiro, falando sobre o mal de Parkinson''
 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário