NOSSO CANAL - VÍDEOS RECOMENDADOS

Loading...

ASSISTA OS VÍDEOS


EU VOCÊ E JAMES, JUNTOS NO YOU TUB


Há um ano comecei a formatar um blog que, na verdade, nem eu sabia ao certo o que pretendia e nem como seria esse “filho”, já que existiam muitos blogs falando com propriedade sobre Parkinson. Resultado: coloquei em "stand by". Queria colocar as idéias no lugar e aguardar uma inspiração.

Por que o nome EU, VOCÊ E JAMES?

EU: podemos falar dos nossos sonhos, aspirações, de receitas, atualidades, alegrias e tristezas, e variedades diversas.
VOCÊ: é a principal razão da existência do blog. É quem vai ajudar na construção e divulgação do espaço que vai ser seu. O espaço é livre.
JAMES: Vixe... Esse aí não é fácil. Como já disse acima, existem muitos blogs que tratam do assunto com competência científica e isso é muito bom. A proposta é que seja uma abordagem bem suave, com humor, pois necessitamos muito de diversão e alegria. Não podemos nos envolver apenas com os aspectos fisiológicos do Parkinson. Vamos tratar do tema com leveza.

Com o Sr. James aprendi, além de outras coisas:
- Ter calma, já que os nervos são o principal fator de problemas para nós;
- Ter sempre um projeto de vida para se apaixonar: como dizia Chico Xavier, estar apaixonado por um projeto faz com que Deus nos dê mais tempo de vida;
- Me movimentar mais, lembrando do sábio Almir Sater na música Tocando em Frente: “Ando devagar porque já tive pressa...”.

E com minha amiga Dalva Molnar aprendi muitas coisas, inclusive que temos muito TA...LEN...TO.

Este blog está trocando de roupa- AGUARDE: EM BREVE NOSSO CLOSET ESTARÁ COMPLETO

terça-feira, 8 de novembro de 2011

 
 
O patch de liberação da droga iria melhorar a disponibilidade de levodopa comparativamente à administrada por via oral.

8 November 11 - Fontes informam ao ''Globes'' que a Neuroderm Ltd. alcançou resultados promissores ao término de seu ensaio clínico primário de fase II do ND0611, um patch de carbidopa para tratamento da doença de Parkinson. O patch de liberação da droga iria melhorar a disponibilidade de levodopa em relação à administrada por via oral.

A levodopa por via oral é rapidamente digerida e assim exigindo doses elevadas, o que provoca efeitos colaterais. A Neuroderm espera que ao liberar a droga diretamente na corrente sanguínea através da pele, irá oferecer um tratamento mais eficaz para a doença de Parkinson em doses mais baixas e, portanto, menos efeitos colaterais.

O estudo multicêntrico incluiu 24 pacientes que receberam seis tratamentos: três com drogas para Parkinson disponíveis comercialmente e três com esses medicamentos liberados através de patches da empresa. Pacientes que receberam o adesivo mostraram níveis mais elevados da droga no sangue, em comparação com os medicamentos orais. O mesmo efeito foi medido com todas as três drogas testadas.

O teste é muito pequeno para proporcionar eficácia estatística clara do patch, mas a ligação entre os níveis da droga no sangue e sua eficácia são conhecidos - e esse foi o final do julgamento.

O ND0611 é registrado como uma nova terapia e dois grandes ensaios clínicos (Fase IIb e ensaios de Fase III) provavelmente serão necessários antes que possa ser trazido para o mercado. Otimistas, a droga pode chegar ao mercado em 2015.  Fonte: Globes.il.

Nenhum comentário:

Postar um comentário