NOSSO CANAL - VÍDEOS RECOMENDADOS

Loading...

ASSISTA OS VÍDEOS


EU VOCÊ E JAMES, JUNTOS NO YOU TUB


Há um ano comecei a formatar um blog que, na verdade, nem eu sabia ao certo o que pretendia e nem como seria esse “filho”, já que existiam muitos blogs falando com propriedade sobre Parkinson. Resultado: coloquei em "stand by". Queria colocar as idéias no lugar e aguardar uma inspiração.

Por que o nome EU, VOCÊ E JAMES?

EU: podemos falar dos nossos sonhos, aspirações, de receitas, atualidades, alegrias e tristezas, e variedades diversas.
VOCÊ: é a principal razão da existência do blog. É quem vai ajudar na construção e divulgação do espaço que vai ser seu. O espaço é livre.
JAMES: Vixe... Esse aí não é fácil. Como já disse acima, existem muitos blogs que tratam do assunto com competência científica e isso é muito bom. A proposta é que seja uma abordagem bem suave, com humor, pois necessitamos muito de diversão e alegria. Não podemos nos envolver apenas com os aspectos fisiológicos do Parkinson. Vamos tratar do tema com leveza.

Com o Sr. James aprendi, além de outras coisas:
- Ter calma, já que os nervos são o principal fator de problemas para nós;
- Ter sempre um projeto de vida para se apaixonar: como dizia Chico Xavier, estar apaixonado por um projeto faz com que Deus nos dê mais tempo de vida;
- Me movimentar mais, lembrando do sábio Almir Sater na música Tocando em Frente: “Ando devagar porque já tive pressa...”.

E com minha amiga Dalva Molnar aprendi muitas coisas, inclusive que temos muito TA...LEN...TO.

Este blog está trocando de roupa- AGUARDE: EM BREVE NOSSO CLOSET ESTARÁ COMPLETO

domingo, 25 de março de 2012

Risco de derrame é menor em mulheres que bebem moderadamente

Reprodução
Beber até sete taças de vinho por semana pode reduzir chance de acidente vascular cerebral
 Mulheres que bebem moderadamente - até sete taças de vinho ou copos de cerveja por semana - são levemente menos propensas a sofrer um derrame do que as abstêmias, diz um novo estudo americano.

Os resultados da pesquisa, que avaliou milhares de mulheres de quase 30 anos, foram publicados na revista científica Stroke. Os dados coincidem com as recomendações da associação americana do Coração, que recomenda que as mulheres não bebam mais do que uma dose ao dia.

No entanto, isso não significa que as pessoas devam começar a beber álcool para prevenir derrames, assinalam os pesquisadores.

"Não incentivamos a beber mulheres que não bebem atualmente", diz Monik Jimenez, do Hospital de Brigham e Mulheres em Boston, líder do estudo.

"O álcool é uma faca de dois gumes, pois altas taxas podem aumentar a pressão arterial e o risco de arritmia cardíaca, fatores de risco para acidente vascular cerebral", diz ela.

Vários artigos anteriores demonstram que níveis baixos de ingestão alcoólica estão ligados a menores possibilidades de sofrer um derrame.

Jimenez e seus colegas empregaram dados de um estudo sobre enfermeiras que avaliou a saúde, dieta e estilo de vida de mais de 83 mil mulheres durante 26 anos. Os autores levaram em conta fatores de risco, como tabagismo, sobrepeso e histórico familiar.

O estudo não provou que o álcool previne o AVC, e não há uma explicação pelo momento para a relação entre ambos. Uma das hipóteses é que, em baixas doses, o álcool poderia prevenir a formação de coágulos ou alterar os níveis de colesterol no sangue.
Fonte:  ESTADÂO.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário