NOSSO CANAL - VÍDEOS RECOMENDADOS

Loading...

ASSISTA OS VÍDEOS


EU VOCÊ E JAMES, JUNTOS NO YOU TUB


Há um ano comecei a formatar um blog que, na verdade, nem eu sabia ao certo o que pretendia e nem como seria esse “filho”, já que existiam muitos blogs falando com propriedade sobre Parkinson. Resultado: coloquei em "stand by". Queria colocar as idéias no lugar e aguardar uma inspiração.

Por que o nome EU, VOCÊ E JAMES?

EU: podemos falar dos nossos sonhos, aspirações, de receitas, atualidades, alegrias e tristezas, e variedades diversas.
VOCÊ: é a principal razão da existência do blog. É quem vai ajudar na construção e divulgação do espaço que vai ser seu. O espaço é livre.
JAMES: Vixe... Esse aí não é fácil. Como já disse acima, existem muitos blogs que tratam do assunto com competência científica e isso é muito bom. A proposta é que seja uma abordagem bem suave, com humor, pois necessitamos muito de diversão e alegria. Não podemos nos envolver apenas com os aspectos fisiológicos do Parkinson. Vamos tratar do tema com leveza.

Com o Sr. James aprendi, além de outras coisas:
- Ter calma, já que os nervos são o principal fator de problemas para nós;
- Ter sempre um projeto de vida para se apaixonar: como dizia Chico Xavier, estar apaixonado por um projeto faz com que Deus nos dê mais tempo de vida;
- Me movimentar mais, lembrando do sábio Almir Sater na música Tocando em Frente: “Ando devagar porque já tive pressa...”.

E com minha amiga Dalva Molnar aprendi muitas coisas, inclusive que temos muito TA...LEN...TO.

Este blog está trocando de roupa- AGUARDE: EM BREVE NOSSO CLOSET ESTARÁ COMPLETO

quarta-feira, 29 de junho de 2011




Michael J. Fox, consagrado internacionalmente pelos filmes da saga "De volta para o futuro" e seriados como Family Ties e Spin City, era um dos jovens atores bem-sucedidos na década de 1990. Até que, em 2000, forçado a abdicar da carreira hollywoodiana por conta do Mal de Parkinson precoce, passou a dedicar-se à luta contra a doença. Em "Um Otimista Incorrigível", Michael J. Fox expõe os últimos dez anos, período iniciado por uma grande perda, e que culmina em uma nova vida sustentada por quatro pilares: Trabalho, Política, Fé e Família. Centrando-se nestes temas, Fox fala sobre otimismo e informação em uma viagem de autoconhecimento e reinvenção.

Já no título de seu primeiro livro, Lucky Man (homem de sorte), autobiografia sobre os estágios iniciais da doença, o ator demonstrava seu espírito genuinamente otimista. Nestas memórias, Michael percorre os quatro temas que define como a base de sua vida para demonstrar como as novas perspectivas ajudaram-no a encarar desafios como oportunidades e abriram seus olhos para o inesperado.

Aposentado pela doença, Michael passou a dedicar-se à The Michael J. Fox Foundation, fundação que apoia pesquisas com a insistente missão de encontrar a cura para o Parkinson. Tomado por um senso de responsabilidade, Michael luta pelas polêmicas pesquisas com células-tronco, que o levaram, inclusive a fazer campanha pelo então candidato Barack Obama.

Ainda que faça pequenas participações na televisão, como na série "Rescue Me", que lhe rendeu um Emmy em 2009, Michael aceita as restrições impostas pela doença, mas não permite que elas o definam como pessoa: "tive que me esforçar para me adaptar a uma nova dinâmica, à mudança das minhas personalidades pública e privada. Eu era Mike, o ator, e depois Mike, o ator com Parkinson. E agora seria apenas Mike com DP? A Doença de Parkinson tinha consumido minha carreira e, em certo sentido, se tornado minha carreira. Mas onde tudo isso me deixava? Tinha de construir uma nova vida quando ainda era muito feliz com a vida antiga".

Sucesso de vendas nos Estados Unidos, Um otimista incorrigível é a história de um homem que acredita na esperança - e que transformou sua vida em uma luta para oferecê-la aos portadores do Mal de Parkinson.

F9onte: Folha.com\ Livraria

Nenhum comentário:

Postar um comentário